Brigadeiros de Caipirinha

Depois de uns dias de férias em boa companhia onde se comeu e bebeu de forma quase pornográfica (mas consciente!), é altura de começar a pensar em ajustar novamente o corpo à roupa, que os tempos não estão para andar aí a renovar o guarda-roupa...

Bem, pensando melhor, e dado que ainda é agosto - o mês das férias - talvez possamos adiar isto até setembro... Sendo assim, vamos só colocar de lado as bebidas simultâneamente alcoólicas e calóricas, como a caipirinha...

Bom, já que vamos adiar as outras medidas dietéticas até setembro, talvez ainda possamos fazer um último excesso... Então "prontos", está decidido: adia-se tudo até setembro (depois dizemos o ano), e começa-se então a cortar nas coisas supérfluas (nada daqueles grandes e exagerados pratos de saladas nem de comer sopa a todas as refeições). Até lá, fica este "miminho" refrescante em forma de bomba calórica, ideal para a despedida das férias e do calor do verão. Bom regresso!

Terras de Felgueiras - Espadeiro (vinho verde)


Este vinho verde (sim, verde - não é engano na escrita nem má fotografia) é produzido com a casta espadeiro, uma casta tinta da região dos vinhos verdes. É um vinho discreto mas com uma cor rosa intensa, um aroma muito fresco e com a presença inequívoca das bolhinhas de gás. Nesta época de verão, bem fresquinho, sabe-nos bem com marisco, peixe, saladas ou até só como aperitivo! Vale a pena experimentar, até porque vende-se nos supermercados a um preço razoável - cerca de 2 €. Tenham só em atenção que há o "rosado" e o "espadeiro" com rótulos muito idênticos...



A nossa carteira: 


O nosso palato:


Risotto de salmão


Apesar de cá em casa haver uma boca que se fecha para comer peixe, os restantes Sopa gostam muito de peixinho. Às vezes não é fácil ter ideias para comermos peixe de formas diferentes... mas, vamos insistindo nesta matéria e desta vez saiu um risotto de salmão.
O azedo do limão suaviza a gordura do salmão e o resultado é um prato muito equilibrado, com as sementes de sésamo a enriquecerem a textura do prato.
É uma receita muito simples de preparar, embora nos obrigue a ficar reféns da colher de pau, enquanto se mexe o risotto. Mas, o resultado final compensa! :-)

Pesquisar

Siga-nos no Facebook!

Gosta?

Fotos!

RSS
Instagram


Categorias

Com tecnologia do Blogger.

Seguir por Email

Blogs Portugal

Top blogs de receitas

Visitas